Quando você resolve casar na praia, é sair da normalidade para encarar uma cerimônia com grandes desafios e transformações. O ritual como a entrada dos noivos, o local onde os padrinhos ficam no altar e toda a beleza que um casamento tem,  devem ser mantidos, porque o que mudará é o cenário e assim, devemos repensar em novos figurinos.

Geralmente um casamento na praia é feito durante o dia ou no final da tarde, já é um bom começo para se pensar nessa mudança de visual.  Pegada folk, romântica, vintage ou escolher uma cartela de cores energética como o sol? Se você é madrinha, é bom tomar conhecimento através da noiva sobre como vai a “cena” da cerimônia: flores do campo? Conchas e redes? Informalidade ou formalidade. Tanto faz, porque no caso de um casamento na praia, a regra é clara: As escolhas são para um casamento, não um almoço em família, e a formalidade deve ser mantida, porém em acessórios e detalhes.

Lembre-se, casamento é momento único, portanto, quando vamos a esse “evento” devemos respeitar, e é através da sua roupa principalmente que você vai demonstrar isso aos noivos.

Evite usar vestido muito iluminado com bordados, brilhos, brocados. Essa idéia pode ser usada nos pequenos detalhes como em golas, mangas ou em cintos em modelos mais simples, retos, sem muitos volumes, nervuras ou saias muito franzidas. Para compensar, o decote, a fenda ( que está em alta ) e os modelos de vestidos feitos com tecidos fluidos como as sedas, o tule, crepes, rendas, piquê branco e organzas super leves são super bem-vindos!

Vestidos que arrastem no chão, nem pensar! Está em dúvida ainda? Procure os modelos em  tons neutros, cores claras, curtos ou longuete estilo tubinho com mangas curtas ou os compridos com decote tomara-que-caia ou ombro-a-ombro. Colares de pérolas podem funcionar!

Mas a maior questão é o sapato, né? Geralmente a cerimônia é em um deck, e a sandália de salto é a melhor opção ou uma sapatilha se o vestido for mais informal, que pode ser metalizada ou combinada com o visual. Esqueça os modelos com salto de madeira, lembre-se que você vai a um casamento, o sapato deve seguir os padrões da cerimônia, mesmo que depois você possa tirar do pé e pisar na areia para se divertir.

Na cabeça, adoramos a idéia de flores, arranjos com motivos do mar e os chapéus! Num casamento como esse ao ar livre, o chapéu tem a função de proteger do sol, de criar um visual estiloso e também de oferecer um complemento harmonioso com o momento.

  Helen Pomposelli

casamento na praia o que vestir